Atleta do mês Junho/2020: Francisca Genilda da Silva Melo

Atleta: Francisca Genilda da Silva Melo

Esporte: Atleta: Corrida de rua

Idade: 47

Entrevista:

O início de tudo...

Comecei praticar atividades físicas (caminhada) há 10 anos atrás, porém por necessidade em perder peso. Logo após começar caminhar regularmente, percebi que poderia evoluir. Foi então que comecei correr e, de imediato já me inscrevi na minha primeira corrida de rua (Corrida de Santa Luzia/2010). Para minha surpresa, nessa corrida já tive meu primeiro pódio. Atualmente, não faço parte de assessoria esportiva, embora que, por um certo período, quando me preparava para correr uma maratona, contratei os serviços de uma assessoria. A prática de atividades esportivas, além de boa condição física, me proporciona equilíbrio emocional para encarar os desafios do dia a dia.

Treinos...

Tenho treinado em média 04 vezes por semana, pois também reservo um ou dois dias para pedalar. No entanto, devido à pandemia precisei mudar minha rotina de treinos, principalmente em horários e locais específicos, sempre com os devidos cuidados, tais como: utilização de máscara, evitar aglomerações, etc. Como relação à minha rotina, não tenho problemas em conciliar atividades profissionais e domésticas com meus treinos, uma vez, planejo e executo essas atividades em horários pré-estabelecidos. Como mãe, também não tenho problemas, visto que, meus filhos já são adultos, me incentivam e de vez em quando, treinam comigo.

Alimentação...

Me alimento normalmente, não faço dietas, porém não exagero e procuro sempre consumir alimentos saudáveis. As atividades físicas regulares me proporcionam essa ‘liberdade’ em comer sem me preocupar com aumento de peso. Costumo dizer que “como pra correr e corro pra comer”.

Títulos...

Poderia citar aqui vários títulos que consegui durante esse tempo que corro. Considerando que todos são importantes, porém vou citar aqui duas coisas que me emocionam muito: • A primeira é ter corrido uma maratona. Foi algo marcante em minha vida, pois me faz lembrar de todo empenho, sacrifício e de tudo que abdiquei para me preparar e participar da mesma; • A segunda coisa da qual me orgulho é saber que sou uma referência para muitas mulheres que correm aqui na minha cidade. Fico feliz quando chegam para mim e falam sobre o quanto me admiram pelo fato de me verem treinando ou participando das provas.

Mensagem da atleta...

“SOU MARATONISTA, COM MUITO ORGULHO” Façamos dos nossos treinos diários a nossa arma para superar essas adversidades. Certamente, sairemos dessa crise mais fortes e unidos para contribuirmos com uma sociedade mais justa e igualitária, sempre com fé e confiança em Deus.