Atleta do mês Maio/2017: Eudésio de Holanda Cavalcanti Filho

Atleta: Eudésio de Holanda Cavalcanti Filho

Esporte: Atleta: Atletismo - Corrida de rua

Idade: 67

Entrevista:

Sempre gostou de praticar atividades físicas?

Sou atleta desde criança. Nadei minha vida toda, pratiquei remo, mergulho e etc. Só vim correr em Natal e não parei mais (risos).

 

Quando começou a praticar a modalidade esportiva? Trabalha ou “vive” só do esporte? Quanto tempo faz?

Há mais de 30 anos participo de corridas de rua. Divido-me entre a família, o trabalho e o esporte.

 

Teve algo ou alguém que o (a) motivou iniciar a prática esportiva?

As aulas de educação física no colégio me motivaram ao esporte.

 

Faz parte de alguma assessoria? Tem algum apoio/patrocínio? Técnico ou professor?

Faço parte da equipe Desafio, coordenada pelo professor Batista.

Patrocínio Natal Cor e Burnfit academia.

 

Qual a frequência de treinos? O que costuma fazer para melhorar o desempenho?

Treino diariamente (exceto aos domingos) na rota do sol. Corro e pedalo. E frequento academia nas segundas, quartas e sextas-feiras.

Os domingos são reservados ao descanso e “lixo”.

 

Possui cuidados com a alimentação para obter melhores resultados? Dietas? Restrições alimentares?

Mantenho alimentação normal de um atleta, nada de dietas. Caso contrário, eu desapareço (risos).

 

Você considera que sua vida melhorou após praticar atividades esportivas? Como? Por quê?

Esporte é tudo na nossa vida, sou atleta desde criança, foi o que salvou minha vida. Tive um câncer de esôfago e o esporte e Deus me curou, juntamente com a equipe médica do Huol.

 

Quais títulos você obteve e que considera mais importantes? Pode ser os mais especiais, que teve algum motivo específico.

Todos os títulos e corridas são como filhos para mim. Todos iguais. Fica difícil especificar algum, pois foram e serão tantas.

 

Você tem alguma frase ou mensagem que sempre utiliza e acredita para lhe motivar nos seus maiores desafios? Se preferir, registre aqui para que possamos compartilhar.

  "A VIDA É BELA!”